:::...Baita Chão News...:::: CPDQNTOQFNU e suas descobertas
Alegrete, Centro do Mundo,

10 de agosto de 2012

CPDQNTOQFNU e suas descobertas

Em mais um avanço tecnológico Baitachaozense desenvolvido para o mundo (porção de terra em volta do Alegrete), o CPDQNTOQFNU (Centro de Pesquisas Desnecessárias Quando Não Tem O Que Fazer Na Unipampa) resolveu liberar os resultados da pesquisa desenvolvida em segredo a mais de 10 anos, quando eles enviaram o protótipo RAPADURA (ROBO ALEGRETENSE de PESQUISA AVANÇADA DINAMICA UNIVERSAL de RESPONSABILIDADE ABSOLUTA) para a vila de uruguaiana a fim de procurar por vida inteligente. Depois de mais de 80000horas de pesquisa, relatórios diários, visitas a Biblioteca Municipal (foto) os pesquisadores chegaram a um resultado final que gerou muita polemica.

Existe a possibilidade remota que possa ter existido em algum momento da historia na vila de uruguiana, mas o fato comprovado cientificamente é que depois de que abandonaram a vila alguns poucos conseguem se sobressair e tornaram-se inteligentes, afirmou o Dr. Simidão Crivouz Almiron, pesquisador chefe da "Mição uruguaiana vensera".
O Palácio Imperial do Baita Chão em nota oficial ficou chocado com a noticia que demorou 10 anos para ser dada. Segundo o "Ascensor" de Imprensa, "...o que eles levaram 10 anos estudando e calculando o povo baitachaozense já nasce sabendo e também vamos abrir um inquérito para apurar se esta pesquisa não foi feita por algum ex-morador da vila que possa estar escondido exilada trabalhando no CPDQNTOQFNU.

Nenhum comentário:

Postar um comentário